Em continuidade às ações para a implementação de uma Associação de Proteção e Assistências aos Condenados (Apacs) em Paraúna, será realizado o Seminário do Método Apac, entre 6 a 8 de abril. A apresentação deste modelo inovador e mais humanizado de gestão prisional foi feita pelo Ministério Público de Goiás à comunidade local em audiência pública que reuniu mais de 500 pessoas, em fevereiro deste ano. Veja matéria completa no Saiba Mais.

Cartaz de divulgação do seminário, que será realizado em Paraúna

Cartaz de divulgação do seminário, que será realizado em Paraúna

O curso, que tem início na sexta-feira (6/4), na Câmara Municipal de Paraúna, seguirá nos dias 7 e 8 na Escola Municipal Ana Leles. De acordo com o presidente do Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) da comarca, Leandro Gomes Pereira, a expectativa é que participem do curso ao menos 30 voluntários que já manifestaram interesse em colaborar com a proposta.

A capacitação, que apresentará uma visão geral da metodologia aplicada nas Apacs, está sendo organizada numa parceria entre MP-GO, o Conseg, e a Fraternidade Brasileira de Assistência aos Condenados (FBAC). O curso pretende ainda desenvolver as aptidões dos voluntários para exercer este trabalho com eficácia e observância de um forte espírito comunitário. A coordenação do seminário será do inspetor de metodologia da FBAC, Wellington Silva, com apoio do promotor de Paraúna, André Luís Ribeiro Duarte.

Tema PGA 
A reestruturação do sistema prisional em Goiás foi o tema escolhido como prioridade para o Plano Geral de Atuação do MP-GO para o biênio 2018-2019, após ampla consulta aos membros da instituição ao longo de 2017. (Cristina Rosa / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO)

1 Visitas hoje!
14 Total de visitas!

Responder

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui