A partir desta quinta-feira (5), o gás de cozinha comercializado pela Petrobrás terá reajuste de 4,4% em média por botijão de 13 kg. A empresa alegou que a desvalorização do real ante o dólar, somada ao avanço dos preços das cotações internacionais do GLP poderiam ter levado a um reajuste ainda maior.

O botijão de 13 KG terá um valor de R$ 23,10 saindo das refinarias. No acumulado do ano, o GLP residencial comercializado pela Petrobras acumula, no entanto, uma queda de 5,2% em relação a dezembro de 2017.

A política de preços do GLP residencial prevê ajustes trimestrais no valor de venda do GLP envasado pelas distribuidoras em botijões de até 13 kg.

“Esse impacto foi diluído pela combinação entre o período de nove meses usado como base para o cálculo do preço, além do mecanismo de compensação que permitirá que eventuais diferenças entre os preços praticados ao longo do ano e o preço internacional sejam ajustadas ao longo do ano seguinte”, disse a Petrobras em comunicado.

Gasolina

A Petrobras também anunciou que o preço da gasolina comercializada nas refinarias passará para R$ 2,0033 a partir desta quinta-feira, o que representa um aumento de 0,9%. Até esta quarta, o valor por litro é vendido a R$ 1,9854.

Fonte/diariodegoias

1 Visitas hoje!
20 Total de visitas!

Responder

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui