O entregador Johnatan Xavier Santos, 27 anos, foi morto após levar um tiro na cabeça na frente dos filhos e da esposa, na noite desta segunda-feira (7), no Residencial Itaipu, em Goiânia. De acordo com a Polícia Civil (PC), a suspeita é Jhonatan tenha sido vítima de um latrocínio.

O crime aconteceu por volta de 20 horas, quando Jhonatan estava sentado na porta de casa, na Rua RI8. Segundo informações da assessoria de imprensa da PC, ele saiu para a calçada de casa para fumar, momento em que dois homens que estavam dentro de um carro se aproximaram e saíram do veículo mandando a vítima entrar para casa.

Já no interior da residência, Jhonatan e sua esposa, além dos dois filhos menores, sentaram no sofá, enquanto os criminosos tiravam o os cabos da televisão. Segundo a PC, durante a ação, um dos indivíduos teria dito que a situação estava desorganizada, já que as crianças estavam chorando, momento em que apontou o revólver para a cabeça de Jhonatam. Em seguida, eles fugiram levando uma televisão e um celular.

O disparo acertou também o braço esquerdo da esposa da vítima. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e constatou a morte do rapaz no local, além de transportar a mulher para o Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo).

Segundo a PC, Johnatan trabalhava com entregador no pitdog da irmã e não tinha antecedentes criminais. O caso será investigado pela Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH), a principal suspeita é que o rapaz tenha sido vítima de latrocínio, que é o roubo seguido de morte.

1 Visitas hoje!
15 Total de visitas!

Responder

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui