A Polícia Civil informou na manhã desta quinta-feira, 7, que o advogado Manoel do Rosário dos Santos, que preso em flagrante na quarta-feira (06/06) por uso de documento falso e receptação, suicidou-se na madrugada desta quinta-feira (07/06) na cela especial da DIH (Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios).

A prisão do advogado, efetivada na DERFRVA (Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos Automotores), teve o acompanhamento da Comissão de Direitos e Prerrogativas da OAB-GO e, após a lavratura do Auto de Prisão em Flagrante, Manoel foi colocado sozinho em uma cela especial, destinada a advogados, na DIH. A perícia no local da morte já foi realizada e os procedimentos apuratórios foram devidamente instaurados.

Em contato com o Diário de Goiás, o advogado Edemundo Dias informou que a OAB esta acompanhando todo o caso desde a prisão do advogado Manoel do Rosário e também vai acompanhar a apuração dos fatos que levaram a morte dele. Edemundo Dias esta na manhã desta quinta-feira, 7, acompanhando as investigações na DIH.

1 Visitas hoje!
39 Total de visitas!

Responder

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui