Quatro homens suspeitos de integrar uma associação criminosa especializada no roubo e furto de bancos foram mortos a tiros após confronto com policiais do Comando de Operações de Divisa (COD), na manhã deste domingo (5), na GO-174, em Aparecida do Rio Doce, a cerca de 300 quilômetros de Goiânia. Segundo a Polícia Militar, a quadrilha era suspeita de furtar uma agência bancária na cidade de Caçu.

Era 7 horas da manhã quando policiais do COD realizavam um deslocamento da cidade de Caçu para Rio Verde, quando foram ultrapassados por uma Eco Sport, cinza, com placas de Goiânia, em alta velocidade. A atitude chamou a atenção dos policiais, que resolveram realizar uma abordagem. Os policiais deram ordem de parada com sinais sonoros, no entanto, os suspeitos desobedeceram.

De acordo com  a corporação, além de não parar o veículo, os quatro ocupantes começaram a atirar contra a viatura, que foi alvejada por vários disparos. Os policiais revidaram e, durante a troca de tiros, o carro dos criminosos capotou. Mesmo com o acidente, eles conseguiram sair do veículo com armas em punho e atiraram contra os policiais. No confronto, os quatro criminosos foram atingidos.

Segundo o tenente Dias, do COD, o contato com equipes do socorro não foi possível, já que o local não pegava sinal de telefone.

“Como não estávamos conseguindo acionar nem o Corpo de Bombeiros e nem o Samu, nós colocamos os suspeitos na viatura e levamos para o Hospital de Aparecida do Rio Doce. Chegando lá foi constatada a morte dos quatro suspeitos”, explica o tenente.

Conforme apurou a corporação, o carro que era utilizado pelos criminosos foi roubado em 2016 e circulava com placas clonadas. Dentro dele os policiais apreenderam vários equipamentos que eram utilizados na prática criminosa de roubo a bancos, como lixadeira magnética, macaco hidráulico,  furadeira elétrica, além de R$150 mil em espécie. Foi apreendida também as armas que os criminosos utilizavam no crime: três revólvers e uma pistola glock.

Em contato com policiais das cidades vizinhas, os policias foram informados de um roubo em um agência bancária em Caçu. A suspeita é que a quadrilha tenha praticado a ação criminosa.  Os materiais aprendidos foram encaminhados para a Polícia Civil. Os suspeitos não foram identificados, já que utilizavam documentos falsos

1 Visitas hoje!
22 Total de visitas!

Responder

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui