Uma mulher morreu após ser atingida por um carro autônomo do Uber. O acidente aconteceu no último domingo (18/3), na cidade de Tempe, no Arizona.

Elaine Herzberg, de 49 anos, empurrava uma bicicleta quando foi atingida pelo veículo de testes e morreu no hospital horas após a colisão.

De acordo com a polícia local, o carro estava no modo autônomo na hora do acidente, porém, havia um operador do veículo no volante.

De acordo com a Uber não haviam passageiros no veículo.

As primeiras investigações comprovaram que o carro estava a 61km/h, em uma zona com velocidade máxima de 55km/h. Não houve tentativa de frenagem.

A vítima estava atravessando a rua fora da faixa de pedestre quando foi atingida pelo veículo.

Sylvia Moir, chefe da polícia do Arizona declarou ao SF Chronicle (Portal de Notícias de São Francisco) que “a partir dos vídeos capturados pelas câmeras do sistemas de autonomia do Volvo SUV fica claro que seria muito difícil evitar a colisão de qualquer modo (mesmo com um sistema autônomo ou com a direção humana) dada a forma que a mulher veio das sombras direto para a estrada”. 

A polícia auxiliará nas investigações, todos os órgãos de transporte dos Estados Unidos estão no caso para apurar completamente as circunstancias do acidente.

Esses órgãos que decidirão sobre a continuidade do programa de veículos autônomos do Uber.

Segundo Moir, no Arizona existem inúmeros veículos autônomos operando normalmente. Desde então, só foi registrado um acidente envolvendo esses carros.

No ano passado um carro do Uber em modo autônomo colidiu com outro veículo que fazia uma conversão à esquerda.

1 Visitas hoje!
2 Total de visitas!

Responder

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui