Um suspeito de tráfico de drogas foi preso e outros dois morreram em confronto com militares da Rotam no final da noite desta terça-feira (29), no Setor Recanto do Bosque, bairro que fica na Região Noroeste de Goiânia. Em um imóvel que estaria sendo usado pelo trio para a comercialização de drogas, os policiais encontraram porções de cocaína, e 100 pés de maconha.

Foi durante a investigação de uma denúncia anônima que policiais civis do 22º Distrito Policial chegaram até uma residência no Setor Recanto do Bosque. Já no portão, os agentes foram recebidos com disparos por três suspeitos, que fugiram saltando o muro de casas vizinhas.

Ao receber a informação que os suspeitos estavam invadindo residências e ameaçando moradores, o titular do 22º DP, delegado Humberto Teófilo solicitou o apoio de equipes da Rotam e do Grupo de Radiopatrulha Aérea (Graer), que chegaram rapidamente ao local, e cercaram o quarteirão.

Em uma casa na Rua RB 56, onde os moradores, incluindo crianças, eram mantidos reféns, as equipes de Rotam, segundo a PM, foram recebidas a tiros e revidaram, ferindo dois suspeitos, que estavam armados com um revólver e uma pistola, e que morreram antes da chegada do socorro médico. Os reféns foram liberados sem ferimentos.

Marco Túlio Ferreira, de 21 anos, que estava junto com a dupla se entregou, e acabou preso. Um dos mortos estava sem identificação, e o outro, segundo o delegado, é Kleuber Lima de Souza, de 21 anos, que já tem condenação por roubo, e era monitorado por tornozeleira eletrônica. Na casa onde o trio foi abordado, os agentes encontraram, além das drogas, 10 aparelhos de telefone celular que, suspeita-se, sejam roubados.

“Temos indícios de que, além do tráfico de drogas, o trio seja responsável por inúmeros roubos a pessoas e comércios aqui na região”, concluiu Humberto Teófilo. Marco Túlio foi autuado por tráfico de drogas, associação, e cárcere privado.

1 Visitas hoje!
49 Total de visitas!

Responder

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui